• banner4

  • banner3

  • banner1

  • banner2

Dicas de Saúde e Beleza

Imprimir

Dicas para perda de peso

Estas são algumas dicas gerais para perda de peso. Não estão sendo consideradas patologias específicas. Lembre-se de que todo tratamento deve ser individualizado.

  • Evite sentir fome; para isso, coma em intervalos regulares, em geral de 3 em 3 horas;
  • Planeje suas refeições antecipadamente; não deixe para última hora porque pode ficar sem alternativas saudáveis;
  • Acostume-se a tomar um bom café da manhã e a comer menos no final do dia. Lembre-se do ditado: "Você deve tomar café como um rei, almoçar como um bispo e jantar como um mendigo";
  • Para manter uma boa oferta de cálcio ao organismo, inclua em sua dieta diariamente 3 ou mais porções de laticínios1 sem ou com baixo teor de gordura; o cálcio tem um importante papel no processo de adequação do peso; caso seja vegetariano, informe-se sobre outros alimentos ricos em cálcio e a necessidade de suplementação sob a orientação do médico que acompanha o seu estado nutricional;
  • Inclua bastante hortaliças de baixo valor calórico na sua dieta (alface, espinafre, couve, rúcula, agrião, almeirão, chicória, repolho, couve-de-bruxelas, brócolis, nabo, chuchu, quiabo, vagem, abobrinha verde, tomate, pimentão, berinjela, beterraba, cenoura, alho, alho-poró, cebola, entre outros). Existe um gasto energético associado à digestão, absorção e metabolismo dos nutrientes ingeridos; por isso é importante emagrecer comendo e, não, emagrecer sem comer;
  • Tenha opções para evitar se render aos doces muito calóricos. Tâmaras, damascos e outras frutas desidratadas, as pequenas barras de chocolate com > ou = 70% de cacau ou mesmo uma xícara de chá (que pode "despistar" a vontade de comer doces) são boas opções. No entanto, se não resistir, é melhor ingeri-los logo após as refeições, evitando fazê-lo especialmente nos momentos em que estiver com fome;
  • Evite combinar alguns alimentos calóricos que contêm amido, como o pão, o arroz, a batata, a mandioca, o inhame e o macarrão; isto não é uma regra, mas ajuda a reduzir a ingestão total de calorias numa mesma refeição;
  • Mastigue bem e evite tomar mais de 200 ml de líquidos com a refeição, favorecendo uma boa digestão dos alimentos;
  • Não se esqueça de incluir as gorduras saudáveis em sua dieta: azeite de oliva extravirgem e outros óleos vegetais (como canola, girassol, milho e linhaça), abacate, castanhas e as nozes, peixes ricos em ômega-32, entre outras. Não as exclua achando que assim estará diminuindo a ingestão total de calorias, porque elas são importantes para o equilíbrio metabólico;
  • Pratique atividade física regularmente: o efeito do exercício não é só momentâneo, gastando calorias, mas está associado com a sua capacidade a longo prazo de utilizar carboidratos e gorduras para a produção de energia.